Alongamento e Flexibilidade

É fenomenal a capacidade que o corpo tem para recuperar-se. Por exemplo:

- O cirurgião executa uma incisão, remove o problema ou corrige-o. A seguir, costura tudo novamente e o corpo cura a si próprio. A natureza conclui o trabalho do cirurgião.

E o que é que o alongamento tem em comum com isso?

Ele é o elo importante para a vida sedentária e a vida ativa. Mantém os músculos flexíveis, prepara-nos para o movimento e ajuda-nos a concretizar a transição diária da inatividade para a atividade vigorosa, sem tensões indevidas.

O alongamento deve ser feito sob medida, segundo sua estrutura muscular, sua flexibilidade e segundo os diversos níveis de tensões. O objetivo é a redução da tensão muscular, que promove movimentos mais soltos, e não em esforço concentrado, para conseguir-se a extrema flexibilidade que frequentemente conduz a superestiramentos e a lesões.

Aprendemos muito observando animais:

Observe um gato ou um cachorro: instintivamente eles sabem como se alongar. Fazem-no espontaneamente, nunca indo além do conveniente, contínua e naturalmente preparando os músculos que usarão.
Todo mundo pode fazer alongamento, independente da idade e da flexibilidade. Não é necessário estar no ponto máximo da condição física, nem possuir habilidades atléticas específicas, pois as mesmas técnicas de alongamento se aplicam da mesma forma. Os métodos são delicados e fáceis, conformando-se às diferenças individuais quanto à tensão muscular e flexibilidade.

Classificacao: 
0
Sem avaliações

Grade Horária

Horário seg ter qua qui sex sab dom
09
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21